Pensa em seguir carreira na área de tecnologia? Fique sabendo que o mercado de TI está muito aquecido e é uma oportunidade promissora para novos profissionais.

A verdade é que praticamente tudo o que fazemos e todos os setores da economia foram informatizados: a tecnologia está em todo lugar.

Duvida? Só para ter uma ideia, pense na revolução dos celulares e no quanto isso impactou nossas vidas.

Tirar fotos, assistir vídeos e pagar boletos em um aparelho de metal, vulgo celular, era algo impensável nos anos 80, por exemplo.

Em pouco tempo, os profissionais da tecnologia se tornaram indispensáveis e o mercado de TI, que já é um dos mais aquecidos, vai crescer ainda mais.

Quer saber mais sobre essa área tão promissora? Então, continue a leitura!

Homem em frente a um computador trabalhando com dados.

Mercado de TI

Em praticamente todos os meios de comunicação se fala sobre a abundância de vagas de TI.

Como o empresário e diretor do Empresômetro, Otávio Amaral, afirma: “o setor de serviços tende a crescer. À medida que a tecnologia aumenta, são criados novos postos de trabalhos e extintos aqueles que não fazem parte da nova realidade trazida por ela mesma”.

Ou seja: não faltam oportunidades. Só boa notícia para quem pensa em tentar a sorte na área.

No entanto, apesar da abundância de vagas, o mercado de TI é um dos que mais sofrem com a falta de profissionais capacitados.

Para exemplificar, a demanda anual por novos talentos projetada entre 2019 e 2024 chega a quase 70 mil profissionais. Em 2017, cerca de 77 mil alunos saíram da faculdade com o diploma na mão, mas apenas 26,6 mil encontraram um trabalho na área.

Isso quer dizer que menos de 34% dos profissionais foram considerados capacitados para o mercado de trabalho.

Inclusive, a Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom) deixa clara a necessidade de aumentar o número de mão de obra qualificada.

Esse contexto deixa evidente a importância da qualificação profissional para se destacar no mercado de TI.

Mas, se você está aqui, é porque deseja fazer parte da parcela de profissionais capacitados e desejados pelo mercado de trabalho, certo?

Áreas de trabalho no mercado de TI

As carreiras em TI estão entre as profissões do futuro. Com a expansão da informatização e a falta de profissionais qualificados, novas carreiras e oportunidades surgem todos os dias. O setor tecnológico está pronto para receber novos profissionais.

Confira a seguir algumas das áreas mais promissoras no mercado de TI.

Blockchain

Blockchain geralmente será associada ao bitcoin, mas essa tecnologia vai muito além da criptomoeda. É possível trabalhar com blockchain fornecendo soluções práticas para problemas funcionais do dia a dia de uma empresa, como a gestão de dados, a autenticação de usuários em uma plataforma e a segurança digital desses usuários, e muitos outros.

Big Data

Big Data pode ser definido como um conjunto de dados muito amplo. Por isso, requerem ferramentas especiais e profissionais que saibam utilizá-las. É grande o volume de dados que precisam ser transformados em resultados importantes, possibilitando uma análise ampla e em tempo hábil.

Cloud Computing

A tecnologia Cloud Computing, ou computação em nuvem, já foi adotada por boa parte das empresas e a demanda deve aumentar nos próximos anos. Isso porque tem crescido a necessidade de fazer armazenamento online, graças ao custo-benefício e segurança.

Desenvolvimento de sistemas

O profissional de Desenvolvimento de sistemas trabalha desenvolvendo, analisando, projetando, implementando e atualizando sistemas de informação.

A área envolve noções de gerenciamento, mas foca na criação de sistemas informatizados: programação de computadores e desenvolvimento de softwares para aumentar e otimizar os recursos da máquina.

Segurança da informação

A segurança da informação é o que está por trás da defesa de dados, detalhes e afins que ajudam a manter a infraestrutura de TI segura. Esse profissional é crucial na proteção de dados contra cyber ataques e tentativas de violação, que têm aumentado.

Onde o profissional de TI pode trabalhar

Investir em TI já é uma prioridade para a maioria das empresas de todos os setores, aumentando a necessidade de profissionais especializados em diferentes áreas da Tecnologia da Informação.

O mercado de TI ganhou várias subáreas e novas carreiras cada vez mais dedicadas a tarefas específicas, aumentando o nível de conhecimento técnico exigido.

Por isso, o profissional de TI é capaz de trabalhar em empresas tanto públicas quanto privadas de diferentes portes e áreas de atuação.

Qual o salário na área de TI

A demanda por profissionais no mercado de TI é enorme e as carreiras estão sendo cada vez mais valorizadas.

Uma pesquisa sobre a remuneração no Brasil concluiu que a média salarial do profissional de TI é proporcional a sua formação, variando entre R$ 1.792,88 a R$ 11.753,05.

Outra pesquisa divulgada pela revista Exame em 2018 mostra que a experiência e o cargo ocupado pesam muito no salário.

Por isso, a melhor forma de se destacar na área é se preparando. Invista em uma faculdade de excelência e em bons cursos, pois para ser bem remunerado, é preciso estudar muito e se qualificar para isso.

homem jovem sorrindo com uma xícara em mãos enquanto observa um notebook.

Cursos na área de TI

Para começar, tenha em mente que a área de TI é ideal para quem gosta de exatas, planejamento, pensamento lógico, programação e, claro, tecnologia.

Por isso, muitos jovens têm se interessado nesse setor. Mas todos ficam na dúvida: que curso fazer?

A seguir, falaremos brevemente sobre alguns dos principais cursos na área de TI para te ajudar a descobrir o curso certo para você.

Vale lembrar que grande parte desses cursos tem muitas semelhanças na grade curricular, mas cada um deles oferece uma aptidão específica.

Análise e Desenvolvimento de Sistemas

Com duração de 3 anos, o tecnólogo de Análise e Desenvolvimento de Sistemas oferece uma base teórica sólida unida à prática intensa da programação de projetos de computação.

O foco é a criação de sistemas e aplicações, desde a interface gráfica até a montagem do banco de dados e codificação de programas.

Os profissionais formados nesse curso são capacitados para analisar, projetar, desenvolver, implementar e atualizar sistemas de informação, podendo atuar em empresas públicas e privadas da área de Tecnologia da Informação e telecomunicações.

Big Data e Inteligência Analítica

Esse curso tecnólogo tem duração média de 3 anos e conta com disciplinas como gerenciamento de dados e análise de processos organizacionais, além de priorizar o desenvolvimento de habilidades comunicacionais com foco na entrega de resultados.

O que o mercado valoriza tanto no profissional de Big Data e Inteligência Analítica é a habilidade de tomar decisões - e isso o faz capacitado a atuar em diversos setores como varejo, saúde, educação e até cargos públicos.

Redes de computadores

Com 2 anos e meio de duração, o curso de Redes de Computadores envolve disciplinas de exatas e forma profissionais capazes de projetar redes de computadores pessoais ou de empresas, da instalação à manutenção.

Esse tecnólogo define tipo e número de unidades, configuração e programas de gerenciamento de rede, além de controlar a segurança e propor melhorias. No mercado de trabalho, esse profissional atua em empresas de TI e nos setores de TI de empresas de todos os portes e setores.

Gestão da Tecnologia da Informação

Esse setor cuida da parte administrativa do conjunto de informações e redes digitais, ou seja, dos ambientes informatizados das instituições

O curso de Gestão da Tecnologia da Informação mistura gestão com informática e pode ser concluído em 2 anos e meio, capacitando o aluno a gerenciar projetos e equipes além de pensar soluções de tecnologia.

Algumas das principais responsabilidades do Gestor de TI são: criar, implementar e administrar sistemas de informação buscando garantir a segurança dos dados, além de definir parâmetros de uso de sistemas, fazer a documentação, controlar os serviços de sistemas operacionais e administrar os recursos humanos.

Ciência de dados

O curso de Ciência de Dados, com 2 anos e meio de duração, é relativamente novo e surgiu pela necessidade de organizar e dar sentido ao grande volume de dados que circula na internet e em sistemas informatizados.

O Cientista de Dados é um profissional interdisciplinar e altamente qualificado, podendo trabalhar com estatística avançada, programação, algoritmos, Inteligência Artificial (IA), bancos e estruturas de dados, Big Data e modelos de negócios.

Apesar de ser uma profissão recente, ainda mais no Brasil, diversos setores estão contando com esse profissional para tomar decisões melhores. Esta é uma das áreas mais promissoras no mercado de TI.

Conclusão

Agora que você está por dentro de alguns dos principais cursos de TI, é hora de pensar qual carreira tem mais a ver com seu perfil.

Vimos que o mercado de TI está aquecido e novas vagas surgem todos os dias, mas que existem pouquíssimos profissionais qualificados. Essa pode ser a sua chance!

Busque conhecer a rotina profissional pesquisando como é o dia a dia, as tarefas, responsabilidades, objetivos, planos de carreira e tudo aquilo que ajude a entender como é trabalhar na área. Assim, as chances de escolher o curso errado diminuem muito.

Por isso, analise bastante como está o mercado de TI para o cargo em que deseja atuar e se prepare planejando o futuro: invista pesado na sua formação!

Não deixe de conhecer os cursos de Big Data e Inteligência Analítica, Análise e Desenvolvimento de Sistemas e Redes de Computadores do Unipam: sua oportunidade de entrar no mercado de TI com o pé direito!

New call-to-action

Inscreva-se no nosso Blog

New call-to-action
cursos empreendedorismo

O que você achou dessa publicação?

Deixe o seu comentário abaixo.

BUY On HUBSPOT