Você não sabe como se comportar em uma entrevista de emprego? Tá de olho naquela vaga e tem medo de não conseguir? Então pode relaxar, pois com todas essas dicas que separamos especialmente para você, vai ficar mais fácil impressionar qualquer recrutador na hora da entrevista e agarrar aquela vaga que você tanto deseja.

Engana-se quem pensa que é tudo sobre o comportamento na hora da entrevista de trabalho. A preparação começa bem antes, tanto com uma pesquisa sobre a empresa, quanto com o planejamento da sua roupa. Então, pra não esquecer de nada, acompanhe todas as dicas a seguir.

entrevista-emprego

 

Pesquise sobre a empresa

Pode até parecer óbvio, mas pesquisar sobre a empresa é fundamental e muitas vezes os candidatos se esquecem dessa parte. Muitos ficam com receio e sem saber o que dizer quando escutam: “O que você sabe sobre a nossa empresa?”.

 

E aí, como se comportar em uma entrevista de emprego se você não está preparado para uma das perguntas mais básicas que o recrutador pode fazer? Bom, se você fez uma pesquisa prévia, vai tirar de letra, mas se não souber nada, vai perder pontos com o entrevistador.

E conhecer uma empresa vai além de saber quais são os produtos que ela comercializa ou então quais serviços são prestados por ela. Faça uma pesquisa na internet, procure as últimas notícias, busque saber mais sobre como é a cultura de trabalho, e principalmente a missão e a visão da empresa. Tudo isso é importante para você já saber, por exemplo, o que a empresa espera de você enquanto colaborador e se você se encaixa no perfil que ela busca.

Mas você não pode parar por aí. Existem outras opções para buscar informações sobre qualquer empresa na internet. As páginas oficiais em redes sociais, como Facebook e LinkedIn, também são boas fontes de informação.

Outro site bacana é o Glassdoor, que também pode ser um bom aliado nessa busca. Nele, usuários podem deixar avaliações, listando os prós e contras sobre seus locais de trabalho. Se você busca uma oportunidade em uma grande empresa, vai encontrar informações valiosas ali.

Se você conhece alguém que já trabalha na empresa, descobrir tudo isso pode ser muito mais fácil, já que uma conversa pode sanar qualquer dúvida que você tenha de um jeito muito menos complicado. Então lembre-se que sua rede de contatos é importante.

Se planeje quanto a horário e trajeto

É importante saber bem o endereço do local e esperar o inesperável! Programe-se para chegar um pouco mais cedo. Se vai de transporte público, por exemplo, atenção aos horários das linhas e muito cuidado para não errar o ponto. Pense em todo o tipo de imprevisto e se prepare. Não deixe que o estresse e a ansiedade dominem a situação.

Imagine que você marca um compromisso com alguém e essa pessoa chega com meia hora de atraso, sem mandar nenhuma mensagem avisando. Você não vai ficar nada contente e vai esperar no mínimo uma boa explicação, não é mesmo?

Já em um processo de recrutamento, você provavelmente não é o único que marcou de encontrar com o recrutador. Então como se comportar em uma entrevista de emprego depois de ter chegado atrasado e sem avisar? Não tem uma saída, já que isso provavelmente vai te custar a vaga.

Se alguma coisa no caminho der errado e você perceber que vai se atrasar, entre em contato com o responsável pela entrevista e explique o que aconteceu. Pergunte se é possível remarcar o horário e agradeça a atenção. Isso mostra que mesmo em uma situação que foge do seu controle, você respeita o tempo e o trabalho do entrevistador e tem responsabilidade o suficiente para lidar com situações adversas.

Use roupas adequadas

Cada ambiente demanda um estilo diferente de roupas, não é mesmo? É o famoso dress code. E isso não é válido só para festas e eventos sociais, saber se vestir apropriadamente de acordo com a situação é indispensável. Isso porque nosso estilo também é um meio de comunicação, justo por isso a roupa precisa estar de acordo com o ambiente.

Isso não significa que você deve vestir roupas extremamente formais para qualquer entrevista de emprego. O segredo é saber bem o perfil da vaga e da empresa e se vestir de acordo com isso. Na dúvida, aposte em um look social básico, como uma camisa e uma calça discretas. Evite exagerar nos acessórios e aposte em cores neutras.

Demonstre confiança e interesse

Situações que possuem grande influência em nossas vidas, tendem a nos deixar mais preocupados e por isso, muitas pessoas ficam muito inseguras ou até mesmo ansiosas. Na verdade, não existe forma muito fácil para contornar isso. Essas emoções podem ser difíceis de lidar, mas justo por isso precisam ser verdadeiramente enfrentadas.

Mesmo com receio, é importante nesses momentos a gente racionalizar a situação e entender que é normal se sentir ansioso, mas que é importante não transparecer. Mantenha a calma e tente demonstrar confiança o máximo possível. Com o passar do tempo você vai perceber que a confiança vai se tornando real e quando menos esperar, estará dominando a entrevista.

Transparecer confiança é importante para que o recrutador acredite que você é uma adição valiosa para a empresa. Para conseguir atingir isso, você precisa de autoconhecimento, para mostrar que sabe o que faz e no que acredita, pois assim, você está demonstrando interesse e protagonismo pela sua vida.

Caso essas situações de ansiedade sejam comuns e estejam atrapalhando a sua busca pelo emprego, não tenha receio em buscar uma ajuda profissional. Um psicólogo pode ajudá-lo a ver a situação de forma mais segura.

Seja sincero

Segundo um estudo realizado pela DNA Outplacement, foi constatado que 75% dos brasileiros mentem em seus currículos. “As razões são diferentes, mas ocorre entre os diversos níveis profissionais”, afirmou Hugo Liguori, Diretor Regional da DNA, empresa especializada no setor de Recursos Humanos. Isso acontece muitas vezes, porque o candidato acredita que maquiando seu currículo, suas chances de ser chamado para a entrevista são maiores.

Mas o que será que acontece quando você é pego na mentira pelo recrutador? Como se comportar em uma entrevista de emprego em que agora, você passou de candidato em potencial, para mentiroso pego no flagra?

São perguntas realmente difíceis de se imaginar uma boa resposta e dignas de um filme de comédia — ou terror se o mentiroso for você. Por isso, jamais coloque em seu currículo coisas que você nunca fez ou cursos que nunca estudou, valores que nunca recebeu, ou referências que nunca trabalhou.

É importante zelar por sua imagem profissional e pessoal. Se você sente que alguma coisa falta no seu currículo, use isso ao seu favor. Identifique esses pontos fracos e trace metas para que você consiga adquirir de verdade esses conhecimentos.

E claro, na hora da entrevista, não minta também. Seja sincero quanto às suas qualidades e defeitos. Colocar-se a disposição para aprender algo que você não sabe pode soar melhor do que dizer que sabe e depois ser pego na mentira.

novos-candidatos-entrevista-emprego

Saiba a resposta para perguntas corriqueiras

Existem algumas perguntas comuns em entrevistas de emprego e isso acontece por um motivo válido: elas são feitas justamente porque orientam o candidato a falar mais sobre sua vida e ajudam o entrevistador a estabelecer um perfil mais exato sobre o profissional.

 

Provavelmente, na sua entrevista de emprego, você será questionado sobre seus pontos fortes, seus pontos fracos, como se imagina daqui a cinco anos, que tipo de conhecimento você adquiriria para se aprimorar na sua área e qual conduta mais te agrada e mais te desagrada em um ambiente profissional.

Não existe resposta necessariamente boa ou ruim, as respostas precisam ser de acordo com a sua verdade. Você não vai querer usar uma resposta pronta só para impressionar o recrutador para no futuro descobrir que o seu perfil pessoal não tem nada a ver com o perfil profissional da empresa. Por isso, foque na honestidade.

Utilize a técnica “STAR”

Algumas pessoas não sabem como se comportar em uma entrevista de emprego, pois sentem medo de não saber se comunicar de forma eficaz com o recrutador. Se isso soa familiar para você, essa técnica pode ser a solução para que você não se perca na hora de falar sobre alguma coisa. A sigla que dá nome à técnica dita a ordem dos fatores:

  • S – Situação: você começa falando sobre o problema,
  • T – Tarefa: onde você explica o que precisava ser feito,
  • A – Ação: é o momento de falar como você agiu,
  • R – Resultado: qual foi o resultado das suas ações na solução do problema.

A técnica STAR pode ser usada para falar sobre aquelas histórias de casos profissionais nos quais você se envolveu e trouxe resultados importantes na resolução de problemas. Dessa forma, você evidencia qual foi a sua contribuição, e define suas habilidades, podendo mostrar seu valor. É uma boa escolha na hora de comprovar alguma habilidade que você coloca no currículo ou até mesmo alguma habilidade interpessoal.

Cuidado com sua comunicação não-verbal

Muitas pessoas se perguntam como se comportar em uma entrevista de emprego, pensando apenas no que dizer ou no que vestir, mas se esquecem que absolutamente tudo possui um significado. Não é à toa que falamos sobre a importância de se vestir adequadamente, manter uma postura confiante, ser sincero e responsável. Além daquilo que você fala, um dos principais medidores em uma entrevista é como você se comporta.

A linguagem corporal pode falar mais alto que a verbal em alguns casos. De nada adianta você dizer que é uma pessoa alegre e confiante, se seu rosto estiver fechado ou pior ainda, triste ou envergonhado. Por mais que suas palavras digam uma coisa, seu corpo está dizendo o contrário.

Cuidado com a má postura, pernas cruzadas e ombros para dentro, evite gestos excessivos ao falar ou qualquer outro sinal de nervosismo, como ficar balançando as pernas ao se sentar. Tudo isso pode ser lido como medo e insegurança, sentimentos que não vão te beneficiar na entrevista.

Tome alguns cuidados básicos

Como toda situação na vida, existem boas e más práticas, sobre como se comportar em uma entrevista de emprego não foge da regra. Aqui vai uma pequena lista de coisas que é bom tomar cuidado:

  • Jamais fale mal de empregos antigos: um recrutador nunca verá com bons olhos um candidato que fala mal de seu antigo local de trabalho ou ex-colaboradores,
  • Não interrompa o entrevistador: o diálogo é feito em turnos, assim como você vai ter sua vez de falar e vai ser respeitado, é importante respeitar a fala do recrutador,
  • Evite responder as perguntas de forma monossilábica: “sim” e “não” não falam muita coisa sobre você e como você pensa,
  • Não coloque objetos pessoais na mesa do entrevistador: esse é um espaço destinado para ele. Mantenha seus pertences de preferência em uma bolsa em seu colo,
  • Evite assuntos polêmicos como política e religião, a menos que seja requisitado pelo entrevistador, o que provavelmente não vai acontecer.

Mantenha a postura desde a recepção

Um erro comum é acreditar que a entrevista começa a partir do momento em que o candidato está sozinho com o recrutador. Mas não é bem assim, é importante saber como se comportar em uma entrevista de emprego desde o momento em que você passa pelo portão da empresa.

E manter a postura pode significar várias coisas, desde prestar atenção em como você se senta, no sentido mais literal possível, e até mesmo em tudo aquilo que você faz. Por exemplo:

  • evite ficar olhando para os lados e não encare as pessoas;
  • se alguém estiver no telefone, evite ouvir a conversa;
  • não demonstre impaciência enquanto espera;
  • não fique mexendo no celular;
  • cuidado com o tom de voz e o vocabulário que utiliza, evite excessos.

Tente ser o mais educado possível em qualquer situação: usar por favor, com licença e obrigado pode abrir mais portas do que você imagina!

Faça perguntas adequadas

Já falamos sobre a importância que conhecer bem a empresa tem na hora de se destacar. Além disso, vai existir algum momento na entrevista em que o recrutador vai passar a bola para o candidato e ele poderá tirar suas dúvidas. Quando isso acontecer, evite fazer perguntas básicas, já que a resposta para elas você deve ter sanado ao pesquisar sobre a empresa.

As perguntas que você deve fazer são mais relacionadas a coisas específicas, como por exemplo, se a empresa é ou não flexível com horários, o que a empresa espera de você nos primeiros meses de contrato, se a vaga é nova ou não, coisas que demonstrem o seu interesse pelo trabalho. Uma boa prática nesse momento, é perguntar ao recrutador qual o motivo que levou ele a escolher essa empresa para seu futuro profissional e se ele se sente reconhecido.

Mantendo tudo isso em vista, é bom lembrar que a entrevista acontece muito antes da gente sair de casa. Todo o processo de preparação, desde a pesquisa sobre a empresa, até se manter tranquilo no caminho da entrevista e lá, conseguir manter o foco necessário para impressionar o recrutador.

Tudo isso faz parte de como se comportar em uma entrevista de emprego. E sabendo disso, você certamente está um passo mais perto de construir sua carreira! Confira outras dicas para o seu sucesso profissional em nosso blog e garanta seu futuro.

New call-to-action

Inscreva-se no nosso Blog

New call-to-action
cursos empreendedorismo

O que você achou dessa publicação?

Deixe o seu comentário abaixo.

BUY On HUBSPOT