Mercado de Trabalho

Procura-se: analista de sustentabilidade. Aproveite essa oportunidade!

Por Redação   | 

 Tag: Mercado de Trabalho

Podemos dizer que a preocupação com a sustentabilidade já se tornou, hoje, parte integrante de diversas profissões. 

E nos próximos anos, por conta da crise climática, é esperado que ela se torne conhecimento desejável para todos os cargos de uma organização. 

Por conta disso, as chamadas “profissões verdes” estão ganhando cada vez mais espaço no mercado de trabalho. Uma delas é o cargo de Analista de Sustentabilidade. 

Mas você sabe o que faz esse profissional? Ou que formação ele precisa ter? 

Neste artigo, nós vamos falar sobre o impacto da sustentabilidade no mercado de trabalho e como você pode se preparar para ser um profissional do ramo. 

Você vai conferir:

Por que profissões ligadas ao meio ambiente estão em alta
O que faz um analista de sustentabilidade?
Quanto ganha um analista de sustentabilidade?
Como ser um analista de sustentabilidade
Conclusão

Comece sua graduação EAD agora mesmo! Inscreva-se grátis.

Por que profissões ligadas ao meio ambiente estão em alta 

A sustentabilidade está em alta em diversos setores da sociedade. 

Falamos sobre a importância do consumo consciente, da preservação do meio ambiente e da qualidade do planeta que deixaremos para as gerações futuras. 

Mas para além da discussão social, a sustentabilidade também é pauta dentro das organizações. 

De acordo com uma pesquisa do Instituto McKinsey, 50% dos executivos já consideram, hoje, a sustentabilidade ao desenvolver produtos, criar estratégias e construir sua reputação. 

Aliás, segundo uma outra pesquisa divulgada pelo mesmo instituto, 83% dos líderes executivos entende que os princípios de ESG (sigla para Ambiental, Social e Governança em inglês) ajudam a aumentar o valor das empresas. 

Ou seja, a preocupação com o meio ambiente no mercado de trabalho não é só uma tendência passageira, mas um investimento que muitas empresas estão fazendo para seus futuros. 

E essa preocupação está ajudando a moldar o futuro de diversas profissões. 

Oportunidades para quem quer trabalhar com sustentabilidade 

E se hoje, as “profissões verdes” já estão ganhando destaque, o que se espera do futuro é que elas cresçam cada vez mais. 

De acordo com um estudo da Organização Internacional do Trabalho em parceria com o Banco Interamericano de Desenvolvimento, até 2030 podemos esperar que a área de sustentabilidade gere mais de 15 milhões de empregos apenas na América Latina e Caribe. 

É uma grande oportunidade para áreas que já estão ligadas com a sustentabilidade de alguma forma, mas também que ajuda a expandir a conexão com outras áreas. 

Por exemplo, áreas como a arquitetura e urbanismo e engenharia já estão trazendo o assunto em sua identidade. 

Durante as aulas na faculdade, alunos têm contato com melhora de eficiência energética e projetos para melhor utilização de recursos. 

E segundo o site Going Green Brasil, dentre as áreas de gestão, consultoria e design, podemos citar algumas outras carreiras em destaque. Confira: 

  • Consultor Ambiental: presta consultoria na implementação de projetos de gestão ambiental, plano de gestão de resíduos, tratamento de efluentes, etc.  
  • Engenheiro Ambiental: desenvolve as soluções para problemas ambientais, como, por exemplo, a exploração de recursos naturais, além de avaliar impactos ambientais.  
  • Gestor da cadeia de fornecedores: é responsável por garantir a procedência dos insumos de acordo com as condições ideais de trabalho, governança e impacto ambiental.  
  • Designer de produtos sustentáveis: este é o profissional responsável pelo projeto de produtos ecoeficientes, sem tanto impacto ambiental.  
  • Gerente de responsabilidade social: é responsável por articular com a comunidade, fazer parcerias e propiciar o desenvolvimento local. 

Além das carreiras citadas acima, temos ainda mais uma para destacar, que é a carreira de Analista de Sustentabilidade, o tema deste artigo. 

O que faz um analista de sustentabilidade? 

O analista de sustentabilidade é um profissional que tem atuação no ambiente corporativo. 

Sua função primordial dentro de uma organização é garantir que a empresa chegue nas metas de sustentabilidade propostas no plano de negócios. 

Ou seja, o trabalho dele passa por analisar dados e KPIs (Key Performance Indicators, que são indicadores de desempenho) e fazer gestão das informações coletadas em campo por profissionais de áreas adjacentes. 

O analista de sustentabilidade também é um profissional que está bastante próximo das áreas de marketing e comunicação. 

Isso porque, de acordo com as estratégias atuais, é essencial ter transparência sobre a preocupação da organização quanto ao socioambiental. 

Em resumo, podemos dizer que o analista de sustentabilidade é responsável pelo relatório de sustentabilidade das empresas. 

E por isso, ele precisa ter alguns conhecimentos diversos. Por exemplo, entender sobre economia e governança é importante, assim como ecologia, gestão de resíduos, responsabilidade social, etc. 

Fora do Brasil, o cargo de analista de sustentabilidade está sendo chamado de Especialista em ESG ou Analista ESG, que é um acrônimo em inglês para ambiental, social e governança. 

A função desses profissionais é a mesma, porém o especialista em ESG ganha esse nome por conta do movimento de trazer a preocupação com o ambiental e o social para dentro das empresas, além de buscar pela melhor maneira de gerir. 

No Brasil, entretanto, nós utilizamos a sustentabilidade como uma palavra que engloba esses aspectos. Então, quando quiser buscar vagas na área, procure por analista de sustentabilidade.

Procura-se: analista de sustentabilidade. Aproveite essa oportunidade!

O que é o ESG? 

Como citamos acima, o termo ESG é um acrônimo para as palavras (em inglês) Ambiental, Social e Governança, e o que esse termo traz para o mundo dos negócios são diretrizes. 

A sigla foi usada pela primeira vez em 2004, em um relatório do Pacto Global que provocava diretores de empresas a encontrar uma maneira de integrar os fatores sociais, ambientais e de governança no mercado de capitais. 

Desde então, o ESG se tornou uma iniciativa que une a preocupação com o impacto social, ações para preservar o meio ambiente e uma gestão eficiente. 

Quanto ganha um analista de sustentabilidade? 

Segundo o site Vagas.com.br, um Analista de Sustentabilidade tem um salário inicial de R$ 3.561,00 e pode chegar a receber até R$ 6.224,00 dependendo da empresa contratante e da senioridade. 

O site aponta que a média salarial desse profissional, no Brasil, é de R$ 4.803,00. 

Como ser um analista de sustentabilidade 

Para começar a falarmos sobre o que faz um analista de sustentabilidade, precisamos falar sobre como não existe uma formação específica para atuar nesta área. 

O que faz com que os analistas ambientais venham de diversas outras áreas, como biologia, engenharia, gestão e outras formações que envolvam o meio ambiente. 

E como não existe uma formação específica, na hora da contratação, costuma-se focar mais nos conhecimentos que o profissional tem do que no que diz seu diploma. 

Mas, é claro, o ensino superior para atuar nesta carreira é importante. Além disso, é essencial que o profissional saiba falar inglês e tenha ótimos conhecimentos em planilhas. 

Onde estudar para ser analista de sustentabilidade 

Apesar de não haver um curso superior específico que forme analistas de sustentabilidade, o mais indicado são aqueles cursos já voltados para o meio ambiente. 

E nesse caso, nós queremos aproveitar este espaço para convidar você a conhecer o Tecnólogo em Gestão Ambiental EAD do UNIPAM. 

Neste curso, você terá uma grade curricular composta por disciplinas ligadas à biologia, física e química. 

Os assuntos tratados passam por geologia, meteorologia, geoprocessamento, análise de solo, água e ar e legislação ambiental. 

Além disso, você terá base para ajudar empresas e pessoas a diminuírem seus impactos no meio ambiente. 

O curso de Gestão Ambiental EAD é ideal para quem precisa de flexibilidade e está buscando agilizar sua carreira. 

Isso porque ele é um curso que permite que você assista as aulas de onde e quando puder sem perder a qualidade de ensino, além de ser um tecnólogo com quatro semestres de duração. 

Não deixe de conhecer a grade curricular do curso e todas as demais informações visitando esta página no nosso site. 

Conclusão 

Esperamos que, ao chegar ao final deste artigo, a carreira de analista de sustentabilidade tenha ficado clara para você, assim como o que é necessário para chegar lá.

Leia também: 

Comece sua graduação EAD agora mesmo! Inscreva-se grátis.